American Horror Story: Coven

14:54


Sim! Chii é atrasada e vai fazer resenha sobre a série (que eu estou ainda terminando de assistir) que já acabou faz tempo, mas é porque eu tava enrolada com K-Dramas (que eu ainda não terminei) e só me deu vontade de ver AHS: Coven agora mesmo.

Resenha SEM SPOILERS que é pra todo mundo ficar feliz e não me xingar. :D
Pra quem é um pouquinho entendido de American Horror Story, sabe que a cada temporada, mantém o elenco e muda a história (sdds Tate ♥), e nesta terceira temporada não foi diferente.
A temporada nomeada de Coven (em português "Conventículo" [que é um convento de tamanho menor]), conta a história da guerra entre bruxas (e entre a sociedade em que elas vivem), que até então tentam viver escondidas (no Coven), pela proteção da própria linhagem (porque, por as bruxas acabarem sendo descobertas ao longo dos anos, elas são sempre caçadas, e a linhagem de bruxas se vê agora em extinção), mas que com o decorrer dos acontecimentos da série, se veem obrigadas a deixar o Coven e a lutar (às vezes umas contra as outras).


O que nós vemos é a briga por superioridade, um tentando provar que pode ser mais malvado e frio do que o outro, muito sangue, tripas e tabus que vão te deixar arrepiado e de queixo caído.

Minha opinião:

Cada episódio de AHS: Coven me deixa mais surpreendida, nunca consigo prever o que acontecerá à seguir (por isso eu me pego gritando "Oh My God!" pelo menos 5 vezes por episódio), e como já me disseram uma vez: "essa série mexe com tudo o que é errado"...
Eu me apaixonei e viciei naquelas bruxas más (que adoram ser más) e nos figurinos da série, realmente, não posso ficar um dia sem ver um episódio.



~ Chii
Desejando fortemente o figurino da Madisson e chapéis iguais aos da série T_T

You Might Also Like

0 comentários