fãs exagerados x Idols oprimidos

10:54


Foi-se o tempo em que se ouvia gritos de alegria ou até mesmo faixas de felicitações aos pombinhos quando um Idol (de qualquer lugar do mundo) anunciava que estava namorando ou ia se casar, hoje em dia o que nós vemos por ai é mais parecido com uma disputa para quem tem a ideia mais absurda e abusiva para agredir o casal e demonstrar a insatisfação.

Na ultima semana quando foi anunciado o casal Baekhyun (EXO) e Taeyeon (Girl’s Generation) o pandemônio entre fandoms na internet foi armado, e uma discussão de como isso era absurdo criada, porque se por um lado as fãs dele (EXOtics) não queriam que ele namorasse, por outro as fãs dela (SONEs) julgam que ele não é adequado para o posto (dentre os motivos, por ele ser bem mais novo que ela e por julgarem o moço como alcoólatra, por ter caído na web UMA foto dele em um bar com amigos, quando mais jovem).

Vários sites renomados em informações sobre K-POP apresentaram o caso, e muitos fãs se mostraram apoiando atitudes abusivas, que sugerem boicotes à apresentações, como um Black Ocean¹ na apresentação solo de Baek, tudo para demonstrar a indignação com o relacionamento dele.

Mudando um pouco de assunto, temos a história de outro membro do grupo EXO, Luhan, que sofreu com um fã que instalou câmeras dentro do quarto de hotel que ele estava hospedado (notícia aqui). A necessidade de estar perto dos Idols tem tornado boa parcela dos fãs verdadeiros perseguidores, da pior maneira possível.

Isso abre uma reflexão para como tratamos os nossos ídolos hoje em dia. A industria do pop atual é tão fabricada para nós, fãs, que nos sentimos proprietários dos nossos idols. Quem nunca discutiu com um amigo porque ele gostava do mesmo integrante que você? Na verdade é ridículo acharmos que temos posse de outra pessoa que está do outro lado do planeta, e que tem uma vida totalmente diferente da sua. Estamos falando de outro ser humano, não de um produto que compramos no mercado. Na realidade, nós não temos direito nenhum de opinar sobre a vida daquela pessoa, muito menos invadir a privacidade dela, e é isso que todos os fãs precisam entender. Se você realmente ama seu ídolo, você deve respeitá-lo e deixar que ele seja livre, apoiá-lo quando ele decidir tomar um rumo diferente na carreira, ou quando decidir namorar alguém.

Nós já sabemos como a vida de um idol é cansativa, como eles são privados de liberdade pelas próprias agências, como a vida e comportamento deles são moldados para agradar ao público, então se a cada ação ofensiva de um fã, outro demonstrar indignação e lutar realmente pela liberdade de seu ídolo, é possível sim que essa loucura dos dias atuais tenha um fim, se ao usarmos essas armas de aproximação que a tecnologia nos trouxe para demonstrar nossa admiração e respeito, talvez voltemos ao mundo onde o amor dos fãs fazem bem, porque essa é a única forma que temos de compensar nossos idols pelo esforço que eles demonstram por nós.

OBS¹: Black Ocean = É um costume dos fãs de k-pop demonstrarem afeto e presença nos shows de seus grupos favoritos através de bastões de luz (lightsticks), cada grupo possui uma cor específica de lightstick. Quando ocorre um black ocean, os fãs desligam os lightsticks durante a apresentação, normalmente em protesto contra o grupo. Abaixo um vídeo de um black ocean durante um show de Girls' Generation:


~Este foi um post colaborativo!!!! :D
Portanto, todos levam crédito por ele!

You Might Also Like

0 comentários