TAG: Trilha Sonora da minha vida - Mands

10:37

Este post faz parte da blogagem coletiva do Rotaroots, para conferir outros posts sobre o tema, e até outros temas super bacanas, por favor visite o grupo do Rotaroots.
Senhoras e senhores, sejam bem vindos a aleatoriedade que é a trilha sonora da minha vida. Igual a minha vida, a playlist segue um pouco uma ordem cronológica, tente juntar tudo isso e bater num liquidificador (com uma garrafa de uma boa cerveja), e dará na Mands.
Como se juntar Good Charlotte, Beatles, Taylor Swift, SHINee numa mesma playlist fizessem algum sentido...

  • O início: Chronicles of Life and Death (Good Charlotte). Começar com uma das melhores músicas, de uma banda que marcou esta pessoa que vos escreve. Dica: A letra da música combina com o momento de inicio.
  • Pegue seu parceiro e seu urso de pelúcia, que a Quadrilha da Lagosta vai começar! Franz Ferdinand, cantando Lobster Quadrille - trilha sonora de Alice in Wonderland.
  • The Beatles (gritos histéricos)!!! Como uma boa Beatlemaníaca, não poderia deixar de ter os meninos de Liverpool. Detalhe para Don't Let Me Down e Get Back, que fazem parte do Rooftop Concert, um dos últimos concertos ao vivo que a banda gravou.
  • Toda boa criança que viveu nos anos 90 vai colocar uma música de desenho animado na Trilha Sonora de sua Vida. Sailor Moon é um vicio até hoje, Do As Infinity com Fukai Mori arranca suor dos olhos. E quem nunca cantou Chala Head Chala! em plenos pulmões que atire a primeira pedra. Eu ajudei o Goku com a Genki Dama sim! \o/
  • Simple Plan, My Chemical Romance, Forfun. O começo da adolescência, o começo da rebeldia injustificada. As letras dessas músicas combinam com esse momento, e sinceramente No Pads, No Helmets e Just Balls, do Simple Plan, é um dos melhores álbuns deles.
  • The Distillers: Beat Your Heart Out: "Você consegue ouvir? É o meu coração batendo mais forte por você." - Em algum lugar de uma memória distante em 2012, 157km longe de São Paulo, essas palavras foram pronunciadas por ele, para a tal garota que não esqueceria daqueles momentos.
  • "I don't care much for money, 'Cause money can't buy my love." 
    Killing in the name (Rage Against the Machine) e Dancing with Myself (Billy Idol) são aquelas músicas que irei dançar/cantar em qualquer lugar que estiver. O começo da recuperação.
  • "E se eu levantar, pro bar eu vou voltar. Ah essa ressaca é lá que vou curar." - Terra Celta. Não precisa de explicações. Conheçam essa banda!
  • Nirvana, Rolling Stones e Arctic Monkeys. Um certo romance no meio do caos, sentimentos mal resolvidos... Essas três músicas se misturam e combinam de uma forma inexplicável. A Certain Romance tem um solo de baixo perfeito!
  • Liar (One Ok Rock), a aceitação da mentira passada e ao mesmo tempo I'll be Ok (McFLY). O apoio durante esse momento.
  • Eu amo Taylor Swift, não tem explicações pra ela entrar na playlist - mesmo as músicas combinando. Vejam a letra, e No Worries do McFLY, que aliás a banda marcou tanto a minha vida que sei lá.
  • Aviso: Pop coreano! 2ne1, Super Junior, G-Dragon (obrigada pelo TCC) e SHINee *---*
  • Be the revolution. 
  • Uma canção de ninar, para mostrar que nada impede, nada ajuda. E  também porque são as músicas que definem esse ano de 2014. All Time Low e mais One Ok Rock. 
ENJOY IT. 

You Might Also Like

19 comentários