Dance With Devils

11:58


Dance With Devils é um anime shoujo de tema sobrenatural do ano de 2015, produzido pela Brain's Base, que conta a história de Ritsuka Tachibana, uma garota normal em seus anos de colégio, que acaba se envolvendo em uma disputa entre demônios e vampiros, que acreditam que ela seja a chave para a localização do grimório proibido (pra quem não sabe, um grimório é tipo um livro de feitiços).

Eu já vou começar o post dizendo que eu não assisti o anime inteiro (nem a primeira temporada inteira) por motivos que eu vou explicar depois, mas acho importante frisar os motivos pelos quais eu decidi assisti-lo, pra início de conversa:

Como acho que já deu pra perceber no último post sobre Scarlet Heart Ryeo, eu sou uma grande fã de animes shoujo + harém inverso. Sim, apesar de muita gente falar que Diabolic Lovers é uma merda, é um dos meus animes favoritos (eheuhhehe). E isso significa também que eu tendo a preferir animes com temas sobrenaturais.
Como eu gosto também dessa coisa toda de demônios e vampiros, Dance With Devils foi um anime que me pareceu bastante atrativo.


Agora, se já não bastasse toda a cantoria no anime, que chega a um ponto até de ser irritante, em algum momento entre os episódios 5 ou 7, o irmão da protagonista, Lindo Tachibana - que por um acaso é um exorcista em treinamento -, confessa o seu amor...pela própria irmã. Amor carnal, entre pessoas que se sentem atraídas sexualmente uma pela outra, não amor de irmão, ok?


Foi exatamente neste momento em que eu tracei o meu limite e desisti de assistir o anime...

Veja bem, eu sei que Diabolic Lovers é um anime extremamente errado, porque a personagem principal é abusada constantemente pelos outros personagens, tanto sexualmente quanto psicologicamente, mas eu sei que isso é errado, e eu não desejaria isso pra mim nem pra ninguém na vida real.
Eu também sei que os japoneses tem uma grande tendência a serem estranhos em suas criações (alô Boku no Pico), mas incesto é uma coisa que eu considero fora dos meus limites.

I'm OUT!

You Might Also Like

0 comentários