SARANÃOFOINATWT

11:49

E porquê isso não foi tão ruim assim.


Se você lê esse blog, deve saber que o BTS esteve no Brasil nos últimos dias 19 e 20 de Março, com a The Wings Tour, turnê para promover os seus últimos dois álbuns: Wings e You Never Walk Alone. Eles se apresentaram no Citibank Hall em São Paulo, com ingressos que se esgotaram em questão de minutos.

Essa foi a terceira vinda do BTS ao Brasil, e como eu disse em algumas postagens anteriores, essa foi a primeira vez que eu não consegui ingresso para vê-los.
O BTS escalou para o primeiro lugar entre os meus grupos de Kpop favoritos (desculpa, UKISS 💔), e eu confesso que fiquei bem deprimida nos dias em que eles fizeram os shows por aqui, porque eu ainda cultivava esperanças de que iria conseguir comprar o ingresso de outra pessoa quando estivesse chegando próximo a data do show. (Vale salientar aqui que eu não estava disposta a pagar mais que 300 reais no ingresso)


Eu posso afirmar que o BTS é o grupo no momento com a maior popularidade não só aqui no Brasil, como no mundo inteiro. Eu acabei até conhecendo várias pessoas que afirmam ser fãs de Kpop, porém só conhecem BTS (rsrsrs). Simplesmente falando, BTS é a modinha do momento. Os youtubers brasileiros estão se aproveitando da modinha do Kpop para se autopromoverem e ganharem mais views, e os fãs destes youtubers estão conhecendo o BTS e se apaixonando pelos nossos meninos (porque também, né, quem não se apaixonaria?).
Como consequência, muitos fãs novos de kpop, assim fãs novos de BTS foram à TWT, e os fãs de longa data (como eu), ficaram sem ingressos. 😒


Eu sei que no último parágrafo eu soei bastante invejosa e rancorosa, porém eu precisava entrar nesse tópico para poder explicar o porquê não foi tão ruim assim eu não ter conseguido o ingresso para ver o BTS desta vez em sua vinda para o Brasil:

Quando você conhece um grupo há algum tempo, vamos dizer assim, desde o debut, você tem mais oportunidades de vê-los por preços mais camaradas quando estes resolvem vir para o seu país. Ainda mais, você tem a oportunidade de participar dos chamados fanmeetings, que são concertos mais "privados", onde os fãs tem a oportunidade de interagir mais de perto com os seus idols.
E ambas as vezes em que o BTS veio ao Brasil, eu tive a oportunidade de participar destes concertos. Melhor ainda, eu tive a oportunidade de participar do high-touch em ambas estas vezes.
Vocês sabem quando o BTS vai fazer high-touch ou similares outra vez, fora da Coreia? Nunca mais. Porque agora eles são muito populares, e esses tipos de interação normalmente só ocorrem quando o artista ainda não é muito conhecido, para que ele justamente possa conhecer seus fãs de perto.

Então eu fico triste por não ter ido à The Wings Tour no Brasil, porém eu não fico tão triste assim porque eu tive a oportunidade não só uma vez, mas duas, de ver de pertinho (sim, a menos de dois metros de distância!), J-Hope, V, Suga, Jimin, Rap Monster, Jin, Jung-Kook. E ainda tocar as mãos deles! E eu nunca vou esquecer os olhares deles e os sorrisos ao me verem também. 💖

You Might Also Like

0 comentários